nome blog

Hidrogel mata!

09 janeiro 2015

Coxas muito grossas viraram moda junto com a febre das mulheres bombadas (também conhecidas como mulheres-rã), já que a grossura das pernas faz com que o corpo se assemelhe ao do animal. Enquanto muitas conquistaram a forma com muita malhação, outras apelaram para técnicas mais rápidas. Andressa Urach, por exemplo, apostou no hidrogel, um produto responsável por inflar suas coxas do dia para a noite. 


O que é hidrogel? 
Trata-se de um gel que tem em sua composição 98% de água e 2% de poliamida utilizado no Brasil desde 2008, de acordo com a médica Valéria Campos, membro da Sociedade Brasileira de Dermatologia (SBD).

O produto é regulamentado?
A marca mais conhecida de hidrogel, chamada Aqualift, tem registro na Anvisa. Sua colocação é, portanto, um procedimento regulamentado pelas autoridades sanitárias do Brasil.
A dermatologista Valéria Campos observa que o hidrogel não é aprovado pelo órgão americano que regulamenta alimentos e medicamentos, o Food and Drug Administration (FDA). “O FDA é um órgão bastante rigoroso, portanto o fato de o hidrogel não ser aprovado por ele é um sinal de alerta”, diz a dermatologista.
O médico Fernando de Almeida Prado, presidente da Regional São Paulo da Sociedade Brasileira de Cirurgia Plástica (SBCP-SP), afirma que, embora seja um procedimento regulamentado, não há estudos suficientes que garantam a segurança da técnica em longo prazo, por isso é necessário ter cautela.
Como é a colocação?
O hidrogel é injetado com uma microcânula sob a pele da área em que o paciente quer aumento de volume. Trata-se de um procedimento cirúrgico feito sob anestesia local e que deve, portanto, ser feito em um centro cirúrgico ou em um estabelecimento que tenha condições de atender possíveis emergências médicas.
É um procedimento permanente?
Segundo o cirurgião plástico Rogerio Ruiz, da SBCP, o hidrogel é um produto absorvível que fica no organismo por um período que vai de 1,5 a 2 anos, dependendo do local onde é injetado e das características do paciente. O previsto é que, depois desse tempo, o produto seja absorvido pelo próprio organismo e, caso o paciente queira que o volume aumentado continue, é necessário fazer uma nova aplicação.

Maria José Brandão morreu após fazer aplicação de hidrogel no bumbum, em Goiânia.


Bom meus amores é isso, eu espero que esse post tenha esclarecido um pouco as dúvidas de vocês, as informações eu retirei do G1.com/bemestar, supeeer beijoca!

2 comentários:

Michele Franco disse...

Confesso que não gosto muito de coxas grossas, mas parabéns 💕

Gabi Moreira disse...

Eu também não gosto muito grossa, gosto mais firme e não tão molenga sabe? haha Mas obrigadaa! Beijocasss